Percepção do visitante sobre a relação entre turismo e meio ambiente no município de Campos do Jordão (SP)

Sara Ruiz Hirata, Odaléia Telles Marcondes Machado Queiroz

Resumo


Diante da emergência da temática ambiental e considerando sua relevância e repercussão na sociedade, nota-se a importância de estudar a relação entre o homem e a natureza. Nesse sentido, observa-se que a atividade turística, geralmente, é construída por essa interação e quando assim acontece é dependente dos recursos naturais dos núcleos receptores para sua existência e desenvolvimento. Apesar de ser visto como uma alternativa atraente em termos econômicos, o turismo é questionado em relação aos possíveis efeitos indesejáveis no que tange aos aspectos sociais e ambientais. Ciente disso, este artigo aborda o setor em Campos do Jordão, município do estado de São Paulo que recebe intenso fluxo turístico, principalmente nos meses de inverno devido as suas características de relevo e clima. Em uma análise preliminar, é apresentada uma visão do turismo em Campos do Jordão sob a ótica de turistas entrevistados pelos alunos do curso de bacharelado de Gestão Ambiental da Universidade de São Paulo durante prática orientada no local. As informações obtidas viabilizaram a elaboração de uma análise prévia sobre o perfil do visitante e o segmento de turismo local, destacando a ótica deste sobre a geração de impactos socioambientais e o entendimento sobre o espaço visitado e sua característica natural entre outras coisas como Parque Estadual de Campos do Jordão. Os resultados indicaram, entre outros fatores, que os impactos socioambientais são notados superficialmente pela maioria dos visitantes, demonstrando que os efeitos percebidos relacionam-se, quase exclusivamente, à geração de lixo e esgoto. Os efeitos do turismo sobre o agravamento da desigualdade social, sobre os recursos hídricos e florestais são bem pouco observados e denotam o baixo envolvimento dos visitantes com a realidade local do município quanto aos fatores socioeconômicos e ambientais da comunidade local. Este fato pode indicar a carência de instrumentos públicos e privados que estimulem uma relação mais próxima da realidade jordanense e incrementem o turismo na região considerando outras áreas dos meios urbano e rural com potencial turístico, incluindo-se a sociedade local que poderia ser favorecida com a expansão e planejamento da visitação.

Texto completo: PDF

ISSN: 1983-9391
Copyright © RBECOTUR - São Paulo - SP / Brasil - Design by Lucas Neiman
Licenciada sob Creative Commons